Cadastro Único

O Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal é um instrumento que identifica e caracteriza as famílias de baixa renda, entendidas como aquelas que têm:

• Renda mensal de até meio salário mínimo por pessoa ou
• Renda mensal total de até três salários mínimos.

O Cadastro Único permite conhecer a realidade socioeconômica dessas famílias, trazendo informações de todo o núcleo familiar, das características do domicílio, das formas de acesso a serviços públicos essenciais e dados de cada um dos componentes da família.
Por meio de um sistema informatizado o Governo Federal, consolida os dados coletados no Cadastro Único. A partir daí, o poder público pode formular e implementar políticas específicas, que contribuem para a redução das vulnerabilidades sociais a que essas famílias estão expostas.
Estes dados podem também ser utilizadas pelos governos estaduais e municipais para obter o diagnóstico socioeconômico das famílias cadastradas, possibilitando o desenvolvimento de políticas sociais locais.

Principal ferramenta de acesso aos programas sociais, dentre eles: Bolsa Família, Carteira do Idoso, Tarifa Social de Energia Elétrica, Benefício de Prestação Continuada, Programa Minha Casa Minha Vida, Aposentadoria Para Donas de Casa, Telefone Popular, Isenção de Taxas para Concursos Públicos, Programa Estadual Leite das Crianças, Guarda Mirim, Passe Escolar e outros que venham a ser instituídos pelo governo Federal, Estadual e Municipal.

Local para preenchimento do primeiro cadastro: Centro de Referência de Assistência Social – CRAS mais próximo de sua residência.

Informações pelo fone: 3381-5979