Promover acessibilidade e humanização: esses são um dos principais objetivos da Prefeitura de São José dos Pinhais, por meio da Secretaria de Educação, durante a entrega de atividades não presenciais para alunos da Rede Municipal.

A Secretaria Municipal de Educação está disponibilizando motoristas para entregar as atividades pedagógicas nas residências dos estudantes das Escolas Especiais Madre Paulina e Prof.ª Ilza de Souza Santos. A entrega das atividades teve início no dia 13 de maio e será entregue semanalmente até o término da pandemia.

A ação de entrega das atividades até a casa desses estudantes promove cada vez mais acessibilidade e respeito com os alunos de Escolas Especiais, como conta Juliete Keli Viana, mãe do aluno Mateus Viana, da Escola Especial Madre Paulina. A mãe relata que não estava esperando pelo recebimento das atividades em casa. “Eu estava no meu quarto, e chegou um motorista batendo palma em casa, meu marido foi ver o que era, e eram as atividades do Madre Paulina. A gente ficou muito surpreso, porque não esperava estar recebendo em casa”, explica Juliete.

A mãe conta que conversou com a professora do seu filho, e ficou surpresa ao saber que cada professora está adaptando atividades para as dificuldades dos alunos. “Falei com a professora quando recebi as atividades, liguei para a professora, e fiquei mais surpresa ainda quando ela falou para mim que cada criança está recebendo um material diferente porque são dificuldades diferente”, afirmou.

Para o secretário de Educação, Prof. Imar Augusto, “são nas dificuldades e nas excepcionalidades que todos nós devemos olhar para o próximo, como a si mesmo, e buscarmos alternativas para reinventarmos atitudes e ações que contemplem o atendimento da educação na sua universalidade, especialmente as nossas crianças/estudantes, e nunca esquecendo que as famílias são importantíssimas no processo do desenvolvimento educacional do cidadão são joseense”, comentou o secretário.

Atividades de Escolas como a Escola Bilíngue para surdos Ilza de Souza Santos, que tem seu trabalho pedagógico desenvolvido utilizando como primeira língua a Língua Brasileira de Sinais, as atividades estão sendo desenvolvidas por meio de gravações de videos, adaptando-se e humanizando cada vez mais o atendimento com os alunos das Unidades Especiais.

(Fotos: Carlos Sluzala/Prefeitura SJP)

Aulas por videos estão gravadas para os alunos da Escola Bilíngue Ilza de Souza Santos
Pais e/ou responsáveis de alunos das Unidades Especiais recebem atividades em casa pela Secretaria de Educação
PARA BAIXAR FOTOS NA GALERIA DA MATÉRIA
Ativo 1
Pelo computador:

clique com o botão direito do mouse em cima da foto e selecione a opção "ver imagem" - com o botão direito do mouse você poderá salvar a foto.

Ativo 3
Pelo celular:

pressione o dedo sobre a foto e selecione a opção desejada.