Em um percurso de 4,2 km, a Chama Olímpica passou por cinco pontos, iniciando no Ginásio Ney Braga nas mãos da atleta Tania Spindler (Foto: Divulgação/PMSJP)

 

O dia 14 de julho de 2016 entrou para a história de São José dos Pinhais, pois nesta data o Município recebeu a Chama Olímpica, o maior símbolo das Olimpíadas. A Chama contou com uma calorosa recepção dos são-joseenses durante todo o percurso e fechou a sua passagem pela Cidade com chave de ouro, com a inauguração do Monumento Olímpico, no Parque São José, cujo memorial é um meio de eternizar este momento histórico.

Escolhida como a primeira cidade da Região Metropolitana de Curitiba (RMC) a receber a Tocha Olímpica, São José dos Pinhais organizou uma festa incrível para celebrar este momento. As atrações culturais, apresentações, o trajeto percorrido, a solenidade e a inauguração do Monumento animaram as milhares de pessoas que acompanharam a passagem da Chama.

Segundo o prefeito de São José dos Pinhais, Luiz Carlos Setim, este momento ficará marcado na história da Cidade. “Nesta data estamos vivendo um marco histórico em nosso Município por receber a Tocha Olímpica que é o maior símbolo das Olimpíadas. E, com a inauguração do Monumento Olímpico, todos aqueles que visitarem São José dos Pinhais irão tomar conhecimento que a Chama passou por aqui e também serão contagiados pelo espírito olímpico da nossa Cidade”, destacou.

Para Douglas Fabricio, secretário de Estado do Esporte e do Turismo, é gratificante para o Paraná receber a passagem da Tocha Olímpica. ”Este evento marca o nome de São José dos Pinhais na história das Olimpíadas aqui em nosso país. Esta é uma oportunidade única para os paranaenses, é um momento de alegria pelo esporte. O esporte é essencial ao unir as pessoas, valorizar as crianças e fazer com quem as pessoas interajam uma com as outras”, afirmou.

Em um percurso de 4,2 km, a Chama Olímpica passou por cinco pontos de parada: iniciando no Ginásio Ney Braga, seguindo para o Shopping São José, Praça Getúlio Vargas, Praça Padre Pedro Fuss e, por fim, o Parque São José.  A Prefeitura Municipal indicou três esportistas para passar por este momento: a campeã mundial de boxe, Rosilete dos Santos, que terminou o percurso com a tocha; o campeão nacional de corrida em cadeira de rodas, Eduardo Aparecido de França; e iniciou a caminhada nas mãos de Tania Spindler (marcha atlética). Ao todo, 21 condutores puderam carregar a tocha, sendo que 18 dos participantes foram indicados pelo Comitê Olímpico Internacional (COI).

Visivelmente emocionada, a campeã mundial de boxe Rosilete dos Santos, afirmou ser indescritível a sensação de conduzir a Tocha Olímpica. “É incrível! Um acontecimento mágico, emocionante e de arrepiar. É uma adrenalina inexplicável, um momento que só quem viveu sabe como é o sentimento. São José dos Pinhais não poderia deixar de receber a passagem da Tocha, é um privilégio carregá-la aqui na minha Cidade”, contou.

Tocha Olímpica pelo Paraná
A Tocha Olímpica chegou ao Paraná no dia 28 de junho e passou pelas cidades de Arapongas, Maringá, Campo Mourão e Cascavel. No dia 30 de junho, a comitiva do revezamento percorreu Matelândia, Medianeira, São Miguel do Iguaçu, Santa Terezinha de Itaipu até chegar a Foz do Iguaçu. No dia 2 de julho o percurso cruzou os municípios de Céu Azul, Santa Tereza do Oeste, Realeza, Francisco Beltrão e Pato Branco. E nesta quinta-feira (14), depois de passar pelo Rio Grande do Sul e Santa Catarina, a Tocha retornou ao Paraná, passando primeiramente por São José dos Pinhais.

Brasília foi a primeira cidade brasileira a receber a tocha dos Jogos Olímpicos Rio 2016. A chama desembarcou no País no dia 3 de maio, após começar a sua jornada, em 21 de abril, na Grécia, onde foi acesa a chama em Olímpia, cidade-berço dos Jogos Olímpicos.

Depois de um rápido trajeto pela Grécia e pela sede do Comitê Olímpico Internacional, na Suíça, a chama foi trazida para o Brasil. Durante 90 dias a Tocha Olímpica vai percorrer cerca de 330 cidades brasileiras e chega ao Rio de Janeiro no dia 5 de agosto para a abertura dos Jogos Olímpicos do Rio 2016.

 

tocha_olimpica_foto_wellington_medeiros-2
(Foto: Divulgação/PMSJP)
A passagem histórica fechou com a inauguração do Monumento Olímpico, no Parque São José

tocha_olimpica_foto_wellington_medeiros-3
(Foto: Divulgação/PMSJP)
O percurso da Chama terminou pelas mãos da boxeadora Rosilete dos Santos

.