Logo

Portal da Prefeitura


Pré-Natal do Parceiro: São José dos Pinhais é escolhido para participar de capacitação no Rio de Janeiro

Publicado em 12 de setembro de 2017 às 8:46

(Foto: Divulgação/SEMS)

São José dos Pinhais foi um dos municípios escolhidos pela Secretaria de Estado da Saúde (SESA) para participar de uma capacitação realizada no Estado do Rio de Janeiro entre os dias 4 e 6 de setembro pelo Ministério da Saúde. O tema foi o Pré-Natal do Parceiro, programa normatizado pelo Ministério da Saúde em 2011, que consiste na implantação de boas práticas relacionadas à saúde do homem – e, por conseqüência, se sua família. A servidora da Secretaria de Saúde escolhida para representar o Município foi a enfermeira e atual Diretora Geral do Hospital São José (HMMSJP), Clementina Bressan, que, durante 20 anos, coordenou o Bloco Materno Infantil do Hospital, composto pela UTI Neo Natal e pelos atendimentos pediátricos e maternos.

O Município foi escolhido para participar pelas boas práticas que equipe da maternidade do HMMSJP organiza. São ações e atividades focando no cuidado da saúde da mãe, da criança e também do pai. “Há uma adesão grande dos pais nas visitas, percebemos que eles querem participar das atividades que são realizadas dentro da maternidade”, conta Clementina.

Sobre a capacitação, Clementina comenta que há uma evasão grande de homens, dos 20 aos 59 anos, nas Unidades Básicas de Saúde, aonde são realizadas ações preventivas de saúde. “Por isso, o Ministério da Saúde realizou a capacitação. No Rio de Janeiro essas ações do Pré-Natal do Parceiro já são feitas há anos. O objetivo é que, na primeira consulta da gestante, o parceiro seja acolhido também para fazer os exames e teste necessários, como diabetes, hipertensão e até mesmo doenças sexualmente transmissíveis, como Sífilis, HIV e Hepatites”, explica a enfermeira.

O cronograma de programação incluiu ainda duas visitas técnicas, uma no Hospital Maternidade Carmela Dutra e uma na Clínica Santa Marta, locais aonde já funcionam, e com êxito, as ações de Pré-Natal do Parceiro. Uma visita de conhecimento prático também estava prevista no Morro Santa Marta, comunidade que é atendida por tais ações, entretanto, devido a uma intervenção de segurança pública a mesma não foi realizada.

Clementina acredita nesse processo de integração. “Por perceber que há uma adesão dos pais nas atividades realizadas pelo Hospital, acredito que também haverá uma adesão nas ações preventivas realizadas nas Unidades de Saúde”. Tais ações vão ajudar também a diminuir casos de internamento de recém nascidos. Clementina afirma que, atualmente, “50% das crianças que nascem no HMMSJP já são portadoras de sífilis”.

Além do Paraná; representado por São José dos Pinhais e Agudos do Sul; os estados do Acre, Pernambuco, Espírito Santo, Roraima e Ceará também tiveram representantes presentes durante o evento. “Eu aprendi muito. A troca de conhecimento foi maravilhosa para mudanças de ações, melhorando e aprimorando o atendimento prestado ao paciente e ao acompanhante. Implantar essas práticas é importante para o Município”, afirma Clementina.

Ainda este mês, uma reunião deve ser realizada entre a SESA e o Secretário Municipal de Saúde, Giovani de Souza, com o objetivo de apresentar o tema. Na sequência, um programa piloto será estudado e desenvolvido pela Secretaria de Saúde de São José dos Pinhais.

 

Além do Paraná; representado por São José dos Pinhais e Agudos do Sul; os estados do Acre, Pernambuco, Espírito Santo, Roraima e Ceará também tiveram representantes presentes durante o evento. (foto: divulgação/SEMS),

Uma visita de conhecimento prático também estava prevista no Morro Santa Marta, comunidade que é atendida por tais ações, entretanto, devido a uma intervenção de segurança pública a mesma não foi realizada (foto: divulgação/SEMS).