Notícias
12/02/2016

Movimento Hora H em São José dos Pinhais: Todos contra a Dengue

A Concessionária Ecovia Caminho do Mar S/A, responsável pelo pedágio da BB 277, foi uma das empresas que trabalharam em parceria com a Secretaria de Saúde (Foto: Divulgação/SEMS)

 

Durante a última semana a mídia nacional incentivou a população a fazer parte do movimento “Participe da Hora H: Todos contra o mosquito da Dengue” marcado para dia 6, sábado de Carnaval. Unida ao movimento, a equipe do Departamento de Promoção e Vigilância, da Secretaria Municipal de Saúde, trabalhou durante o sábado para combater a proliferação do mosquito Aedes aegypti (principal transmissor da Dengue, Chikungunya e Zika Vírus).

O movimento Hora H, de repercussão nacional, estimulou a população a vistoriar sua própria residência, eliminando todo recipiente que possa acumular água e se tornar um criadouro do mosquito. Em São José dos Pinhais o movimento contou com cerca de 40 profissionais, entre eles: agentes de Combate de Endemias (ACEs), técnicos em saneamento, técnicos de enfermagem e enfermeiros. Com o apoio de empresas e órgão parceiros, a equipe foi distribuída e obteve acesso em locais de grande movimento do município.

A Concessionária Ecovia Caminho do Mar S/A, responsável pelo pedágio da Br 277, foi uma das empresas que, em parceria com a Secretaria de Saúde, disponibilizou um espaço na sala administrativa e liberou o acesso dos profissionais às cancelas. Posicionada no sentido litoral, a equipe pôde distribuir material informativo e sanar as dúvidas dos motoristas e acompanhantes que deixavam o município.

O Aeroporto Internacional Afonso Pena também disponibilizou espaço para a equipe da Saúde, que utilizou do movimento Hora H para conscientizar os moradores e visitantes de São José dos Pinhais sobre a proliferação do mosquito, formas de combate e doenças transmitidas.

Os profissionais também divulgaram o movimento no calçadão da Rua XV de Novembro e em frente ao Shopping São José, possibilitando a interação com um grande número de pessoas. No calçadão, os profissionais da Saúde entraram de loja em loja pedindo permissão aos comerciantes para entregar panfletos e afixar cartazes. Abordaram os munícipes que passeavam por esses locais, bem como foram abordados por eles para esclarecer dúvidas.

Uma das equipes entrou no Cemitério Municipal para uma fiscalização de rotina. Na vistoria se constatou que o Cemitério já toma precauções para o não acúmulo de água parada, com muitos pratos e vasos de plantas virados para baixo.

A Força Sindical do Paraná (FSP) disponibilizou um carro de som para o movimento Hora H. O carro também divulgou informações sobre como combater a proliferação do Aedes aegypti pelos bairros Colônia Rio Grande, Centro e Afonso Pena.

 

movimento_hora_h_dengue_carla_beatriz_0061
Os profissionais também divulgaram o movimento no calçadão da Rua XV de Novembro (Foto: Divulgação/SEMS)