Fórum: Autismo é preciso (re)conhecer

forum autismo

Prefeitura realizará Fórum sobre o Autismo e será realizado no dia 27 de abril de 2016, das 8h30 às 17h, o Fórum “Autismo, é preciso (Re) conhecer”, nas dependências do Plenário da Câmara Municipal de Vereadores, em São José dos Pinhais. O evento é uma iniciativa das Secretarias Municipais de Saúde, Educação e Assistência Social com o apoio do Gabinete de Gestão Integrada (GGI) e da Central de Treinamento e Desenvolvimento da Secretaria de Administração e Recursos Humanos.

A iniciativa irá propiciar momentos de reflexão, debate e troca de experiências para os profissionais da área, servidores públicos municipais, familiares e todos os envolvidos com o tema.

Criado pela ONU, em 2007, o Dia Mundial da Conscientização do Autismo  acontece anualmente em 2 de abril para que cerca de 70 milhões de pessoas com autismo no mundo possam viver sem o olhar constante do preconceito por falta de informação.

O autismo é uma disfunção que interfere em especial na capacidade de comunicação das pessoas, alterando também a forma como ela se comporta e estabelece relacionamentos. Atinge cerca de 2 milhões de pessoas no Brasil , mais da metade ainda sem diagnóstico, afetando de forma global tanto o indivíduo como a família.Um consenso entre a comunidade científica em todo o mundo, é que quanto mais precoce o diagnóstico for feito e o tratamento iniciado, melhor será a qualidade de vida da pessoa com autismo.

Desde sua criação, dois símbolos têm sido utilizados nos eventos que remetem ao Dia Mundial da Conscientização do Autismo:

O laço azul que reflete proporção de 75% do sexo masculino entre os autistas.

O laço colorido em forma de puzzle reflete a complexidade do autismo. As diferentes cores e formas representam a diversidade de pessoas e famílias que vivem com esta disfunção. As cores intensas significam esperança na pesquisa e na crescente conscientização das pessoas sobre o universo autista

A iniciativa de comemorar o Dia Mundial é referendada pelo Sistema das Nações Unidas, e tem o apoio dos governos e organizações da sociedade civil de todos os países.

Maiores informações pelo telefone: 41-3381-6041/3381-6672 e pelo e-mail centraldetreinamento@sjp.pr.gov.br

INSCRIÇÕES ENCERRADAS

Abaixo segue a programação completa do evento:

FÓRUM
AUTISMO É PRECISO (RE)CONHECER !!!
   
DIA 27/04/2016

08h30 às 09h15

 

ABERTURA
PALESTRAS
09h15 às 10h00 “ Neurobiologia e Genética no Autismo”

  • Dr. Luis Fernando Petry Filho
  • Médico Psiquiatra
  • Preceptor  e Responsável pela Psiquiatria Infanto Juvenil da Residência em Psiquiatria da Prefeitura de São José dos Pinhais
   
10h00 às 10h45 “Diagnóstico e Intervenção Precoce do Autismo”

  • Drª Rosa Maria Marini Mariotto
  • Drª em Psicologia Escolar e Desenvolvimento Humano pela USP
  • Pesquisadora FAPESP e do Laboratório de Psicopatologia Fundamental da UFPR
  • Psicóloga Clínica e Psicanalista
10h45 às 11h30 “Modelo Institucional de Intervenção Especializada em Autismo”

  • Luciene de Oliveira Vianna
  • Fisioterapeuta pela PUC-PR
  • Pós- Graduada em Neuropsicologia pela Faculdade Dom Bosco
  • Educadora na área de Autismo através do Programa TEACCH
  • Fundadora e Diretora do CENTRO CONVIVER

MESA REDONDA

AUTISMO: Indivíduo, Família e Sociedade
Mediadora: Larissa Portezan

13h30 às 14h10

“Resgatando a Identidade Ocupacional:

Um Processo de Grupo com Mães de Crianças e Adolescentes com Transtorno do Espectro Autista”

  • Profª Ms. Regina Célia Titotto Castanharo
  • Terapeuta Ocupacional Graduada pela PUC-Campinas
  • Mestre em Enfermagem pela UFPR
  • Pesquisadora na área da Infância e Adolescência sob a Ótica do Cuidado e dos Cuidadores.
  • Docente do Curso de Terapia Ocupacional da UFPR
14h10 às 14h50 “O Antes e o Depois. Como o diagnóstico do Autismo Impacta nas Famílias”

  • Adriana Czelusniak
  • Jornalista,  com formação, capacitação e Aperfeiçoamento em Transtorno do Espectro Autista pela UFPR.
  • Pós Graduada em Educação na Perspectiva do Ensino Estruturado para o Autismo.
  • Presidente da Associação UPPA (União de Pais pelo Autismo).
14h50 às 15h30 “Autismo: o que fazer. Dicas e orientações”

  • Ms.Thais Caroline Pereira Terapeuta Ocupacional Graduada pela Universidade Tuiuti do Paraná
  • Mestre em Tecnologia da Saúde pela PUC – PR
  • Especialização em Saúde Mental: Psicopatologia e Psicanálise.
  • Pós Graduada em Educação Especial com Ênfase em Inclusão Certificação Internacional em Integração Sensorial pela Western Psychological Saervices WPS/University Southrn Califórnia USC
  • Autora do livro: “Autismo: o que fazer. Dicas e orientações.”
  • Revisora da Revista Fisioterapia em Movimento e Consultora de Inclusão EscolarDocente em Cursos livres e de Pós-graduação
15h30 às 16h10
  • “O Direito e a Criança Autista”Dra. Renata Farah    Advogada, formada em Direito pela Faculdade de Direito de Curitiba
  • Consultora Jurídica na Área de Saúde Pública e Privada
17h00 ENCERRAMENTO