Logo

Portal da Prefeitura


Economia Solidária: Feira de Natal comercializa produtos de qualidade e que cabem no bolso

Publicado em 30 de novembro de 2017 às 15:58

(Foto: Wellington Medeiros/PMSJP)

Tradicional em São José dos Pinhais, a Feira de Natal do Programa Economia Solidária, promovida pela Prefeitura; que disponibiliza o local e a estrutura aos feirantes; já está em funcionamento na Rua XV de Novembro, em frente ao Museu Atílio Rocco. Até o dia 23 de dezembro, quem quiser pode adquirir produtos artesanais de qualidade e certificados. Na feira, desde bolachas até canecas, bonecas, guirlandas e uma grande variedade de opções de presentes natalinos está sendo comercializada. Ao todo, são 7 barracas com 45 artesãos são-joseenses participando da 9ª edição natalina da Feira e expondo suas criações com preços variados e acessíveis, que cabem no bolso.

A ação, que teve início no dia 27 de novembro, está funcionando em horário comercial, até as 19 horas, de segunda à sábado. No entanto, caso o comércio abra aos domingos, a feira também irá funcionar. Para a coordenador do programa, Cássia Ramos, “o programa Economia Solidária visa a geração de renda e também reconhecer os trabalhos artesanais que são feitos por cidadãos aqui do Município, prestigiando o que é nosso”, afirma.

O secretário de Trabalho, Emprego e Economia Solidária (SETRAB), Marco Setim, a feira é um incentivo. “Por meio da Feira de Natal nós, como administração pública, estamos incentivando a economia no Município e também gerando renda. Tem famílias que sobrevivem só com a comercialização de tais produtos, por isso é importante esse incentivo, principalmente num momento em que o país inteiro vive um momento de crise”, afirma.

A expectativa para este ano é grande. “A Feira de Natal está em funcionamento por mais dias neste ano, e a expectativa é boa. Sabemos que a situação econômica não é das melhores, mas esperamos vender bem”, afirma Cássia.

Economia Solidária

O Programa Economia Solidária, desenvolvido pela Prefeitura de São José dos Pinhais por meio da SETRAB, tem como principal objetivo incentivar os artesãos do Município. Quem tem interesse em participar, deve deixar seu nome na sede da Secretaria e passar por um curso, que é divido em 7 módulos, aonde são abordados temas como o que é economia solidária e economia criativa. A participação é gratuita e é a Prefeitura quem disponibiliza toda a estrutura e os locais para as realizações das feiras durante o ano.

Mais informações podem ser obtidas através do telefone (41) 3283-6800.