Logo

Portal da Prefeitura


“Dia D” da Vacinação – Unidades de Saúde de SJP abriram no sábado (12)

Publicado em 14 de maio de 2018 às 16:50

(Foto: Divulgação/SEMS)

No último sábado (12) aconteceu o “Dia D” da campanha nacional de vacinação contra a gripe – unidades de saúde de todo o Brasil abriram para ampliar o acesso da população que tem direito às doses da vacina.

Em São José dos Pinhais todas as unidades abriram e a campanha foi acompanhada pelo secretário de Saúde Giovani de Souza e parte de sua equipe, entre eles o diretor de Promoção e Vigilância Odevair Mathias e a diretora de Atenção em Saúde, Cintia Manzur. “É importante que as pessoas que têm direito à vacina e e ainda não se vacinaram procurem a Unidade de Saúde para estarem imunizadas contra a Gripe no outono e inverno, que são os períodos que registram a maior circulação do vírus e com isso um maior risco de contágio”, ressalta o secretário de Saúde.

De acordo com os dados da Divisão de Epidemiologia até agora 47,98% do público alvo foi imunizado, o que representa pouco mais de 24.600 doses aplicadas. O grupo das crianças de 6 meses a 4 anos foi o que registrou a menor procura pela vacina, uma vez que 30, 11% do público desta faixa etária foi vacinado até o último sábado. “É importante tomar a vacina o mais breve possível, pois são cerca de 10 dias para o corpo produzir os anticorpos e estar imunizado”, explica Mathias.

As melhores coberturas até o momento em São José dos Pinhais são idosos (73,26%) professores (55,24%), e puérperas (52,25%) – o que somados aos  grupos de trabalhadores da Saúde (33,30%), gestantes (31,78%) e as crianças (30,11%) corresponde ao público geral vacinado de 47,98%.

PÚBLICO ALVO

A campanha de vacinação contra a gripe segue até o dia 1º de junho. Tem direito à vacina pelo sistema público de saúde as pessoas com 60 anos ou mais, crianças de 6 meses a 4 anos de idade, gestantes, mulheres em até 45 dias depois do parto (puérperas), profissionais de saúde, indígenas, portadores de doenças crônicas, população privada de liberdade, funcionários do sistema prisional e professores das instituições públicas e privadas.

 

O secretário de Saúde Giovani de Souza faz parte do público alvo do Ministério da Saúde e aproveitou o “Dia D” para tomar a vacina