Logo

Portal da Prefeitura


Abril Azul é comemorado com série de palestras na Escola Municipal Prefeito Francisco Ferreira Claudino

Publicado em 11 de abril de 2019 às 10:35

Foto: Divulgação/ Escola Municipal Prefeito Francisco Ferreira Claudino

Unidades de Ensino de São José dos Pinhais promovem eventos em celebração ao Dia Mundial de Conscientização do Autismo. Entre as comemorações, a Escola Municipal Prefeito Francisco Ferreira Claudino realizou uma sessão de palestras sobre o tema.

O evento aconteceu no dia 2 de abril, nas dependências da escola, e contou com palestras ministradas com os seguintes temas:

  • Autismo implicações na socialização e o direito a inclusão Palestrante: Suzane Costa de Oliveira, psicóloga e especialista em terapia comportamental e cognitiva, neuropsicologia clinica e Educação Especial.
  • Autismo e suas características clinicas e comportamentais Palestrante: Helaine Aparecida Costa da Silva, educadora e cursista pós médio em Enfermagem.
  • O Autismo e seu cotidiano
    Palestrante: Raquel Morais da Silva, mãe de aluna com Transtorno do Espectro Autista (TEA).

Abril Azul

O Abril Azul é um movimento que foi estabelecido em 2007, pela Organização das Nações Unidas (ONU), a partir da criação do Dia Mundial do Autismo que passou a ser comemorado no dia 2 de abril. O objetivo da data é difundir informações para a população sobre o transtorno, ajudando a derrubar preconceitos e esclarecer a todos. No mundo, estima-se que 70 milhões de pessoas são afetadas pelo Transtorno de Espectro Autista (TEA).

O que é o TEA?

O TEA é um transtorno de desenvolvimento cerebral, é importante esclarecer que não é uma doença. Entre os sintomas que podem ser apresentados, encontra-se: fobias, agressividade, dificuldades de aprendizagem, dificuldades de relacionamento, entre outros. No entanto, o Autismo é desenvolvido pelos indivíduos de forma muito única, por esse motivo, os sintomas podem variar. Além disso, há diferentes níveis do transtorno, podendo ou não ser desenvolvido atraso mental. A recomendação é que, ao identificar algum dos possíveis sintomas na criança, ela seja encaminhada a um neuropediatra.

Foto: Divulgação/ Escola Municipal Prefeito Francisco Ferreira Claudino

Foto: Divulgação/ Escola Municipal Prefeito Francisco Ferreira Claudino


Tags