Secretária Daniella, prefeito Setim e o pisicultor Alceu Schulis (Foto: Divulgação/PMSJP)

 

A Prefeitura de São José dos Pinhais, por meio da Secretaria de Agricultura e Abastecimento, iniciou nesta quarta-feira (23), e segue até quinta-feira (24), a 24ª edição da Feira do Peixe. Neste ano o tradicional evento funciona das 9h às 21h no Parque São José (Avenida das Torres, 100), em um lugar de fácil acesso e amplo estacionamento. Esta e a oportunidade da população levar peixes frescos produzidos por piscicultores são-joseenses.

O prefeito de São José dos Pinhais, Luiz Carlos Setim, destacou a importância desse evento para o Município. “A Feira do Peixe é tradicional na véspera da Páscoa e tem vários objetivos, como oferecer a oportunidade da população consumir peixe fresco e de qualidade. Outro é atentar para os produtores rurais são-joseenses, para os quais oferecemos o programa de pisicultura”.

Para a secretária de Agricultura e Abastecimento, Daniella Setim, a Feira é o final de um processo, desenvolvido por meio do programa municipal de piscicultura, que inicia com ajudando o produtor na construção do tanque, subsidia alevinos e “na Feira são comercializados os peixes. Além disso, a Feira garante um peixe de ótima qualidade, pensando no bem estar e na qualidade de vida dos munícipes”.

Preços
Tilápia , Bagre e Carpas: R$ 13 o quilo
Traíra, Pacu e demais espécies: R$ 14 o quilo
Abate: R$ 0,75 p/quilo
Abate + Limpeza = R$ 2,00 p/quilo

 

RÁDIO PREFEITURA

 

Produtores

Sao Jose dos Pinhais, 17 de Março de 2016 (Semag) - Feira Peixe Vivo (Foto: Ary Portugal/PMSJP)
(Foto: Divulgação/PMSJP)

Cinco produtores são-joseenses estão vendendo os peixes vivos no evento. Entre eles está a piscicultora Lourdes Kruger, com seu irmão Arnaldo Krueger, da Colônia Santos Andrade, a 50km do Centro do Município, e que está participando da Feira pelo quinto ano consecutivo. Neste primeiro dia a produtora levou 350 kg de vertebrados para comercialização. “A água em que produzimos os peixes é muito limpa, por vir direto da Serra, o que dá ao animal uma maior qualidade e um sabor muito especial”, afirmou. Para Lourdes, a piscicultura vem de berço, já que seu pai passou o gosto de lidar com peixes para ela. A produtora ainda enalteceu que através da Feira é possível garantir e cobrir o custo do peixe que é produzido e também agradeceu a cooperação que a Prefeitura tem com os produtores, afirmando ser excelente o trabalho realizado em prol da piscicultura em São José dos Pinhais.

População aprova

Sao Jose dos Pinhais, 17 de Março de 2016 (Semag) - Feira Peixe Vivo (Foto: Ary Portugal/PMSJP)
Foto: Divulgação/PMSJP)
Fátima da Silva é diarista, moradora de São José dos Pinhais e sempre participa da Feira. “Aqui é bem mais vantajoso de comprar. Moro próximo ao Terminal Central e vim a pé porque sei que aqui eu encontro peixe de qualidade e com um preço mais em conta. É ótimo este evento, agradeço muito ter uma Feira como esta. É uma das únicas oportunidades que temos de realmente comer um peixe fresco”.
Sao Jose dos Pinhais, 17 de Março de 2016 (Semag) - Feira Peixe Vivo (Foto: Ary Portugal/PMSJP)
(Foto: Divulgação/PMSJP)
Fábio Mario de Souza é metalúrgico e veio comprar um peixe para saborear com sua família. “O bom daqui é que você realmente vê que o peixe é fresquinho e de qualidade, já que os produtores pegam direto dos tanques com a água em que estão conservados. E também pude ver e escolher o tamanho que eu queria, pois quis um bem grande, pra toda a família”.
Sao Jose dos Pinhais, 17 de Março de 2016 (Semag) - Feira Peixe Vivo (Foto: Ary Portugal/PMSJP)
(Foto: Divulgação/PMSJP)
As irmãs Jaqueline Lopes e Catarina Lopes vieram para adquirir um bom peixe. “Como vamos comemorar a Semana Santa e a Páscoa este fim de semana e nestes dias fica inviável o consumo de carne vermelha. Viemos até a Feira que é um local de referência em peixes, já que podemos comprá-los frescos e também mais em conta, já que com a crise não dá pra se pagar muito caro neste alimento”, explicaram.

Abate

Sao Jose dos Pinhais, 17 de Março de 2016 (Semag) - Feira Peixe Vivo (Foto: Ary Portugal/PMSJP)
(Foto: Divulgação/PMSJP)

Os peixes estão sendo vendidos vivos, porém, neste ano, para atender exigências sanitárias, o abate deverá ser feito dentro da Feira em salas especializadas. Até o ano passado a pessoa podia levar o peixe vivo para casa, agora neste ano o consumidor escolhe o peixe vivo em um tanque de água, paga o piscicultor e recebe um tíquete, em seguida vai poder retirar o peixe nas barracas de atendimento. É cobrada uma taxa de abate – R$ 0,75 –  ou de abate e limpeza R$ 2,00 por quilo. As novas normas seguem a determinação do decreto 30.691/1952, que integra o Regulamento da Inspeção Industrial e Sanitária de Produtos de Origem Animal, e conforme a instrução normativa do Ministério da Agricultura n° 53/2003 e também da instrução normativa do Ministério da Pesca n° 04/2015.

Preços
Tilápia , Bagre e Carpas: R$ 13 o quilo
Traíra, Pacu e demais espécies: R$ 14 o quilo
Abate: R$ 0,75 p/quilo
Abate + Limpeza = R$ 2,00 p/quilo

24ª Feira do Peixe em São José dos Pinhais
Dias: 23 e 24 de março (quarta e quinta-feira)
Local: Parque São José – Avenida das Torres, 100
Horário: Das 9h às 21h
Forma de pagamento: somente em dinheiro
Entrada e Estacionamento: gratuitos

Informações: (41) 3381-5824

.

PARA BAIXAR FOTOS NA GALERIA DA MATÉRIA
Ativo 1
Pelo computador:

clique com o botão direito do mouse em cima da foto e selecione a opção "ver imagem" - com o botão direito do mouse você poderá salvar a foto.

Ativo 3
Pelo celular:

pressione o dedo sobre a foto e selecione a opção desejada.